Meio Ambiente

Equipe técnica da Secretaria Estadual de Meio Ambiente faz vistoria em Rio Claro

A segunda etapa do Município Verde Azul, programa do governo paulista desenvolvido através da Secretaria Estadual do Meio Ambiente, vai ser realizada em Rio Claro no dia 22 de setembro deste ano. A atividade foi articulada pela administração municipal, através de reunião em São Paulo no mês passado que contou com as presenças do prefeito João Teixeira Junior, o Juninho da Padaria, e do secretário de Esporte e Turismo (Setur) Ronald Penteado com apoio da Câmara Municipal representada pelo vice-presidente Julinho Lopes.

Equipe técnica da Secretaria Estadual de Meio Ambiente em reunião com representantes da administração municipal no Paço.

Com o sinal verde do secretário estadual do Meio Ambiente, Ricardo Salles, novas etapas devem ser cumpridas. Na última terça-feira, 15, equipe técnica esteve no município para vistoriar o Floridiana Tênis Clube, local definido para a realização do evento. Estiveram na cidade Carlos Alberto Machado, assessor técnico do programa Município Verde Azul e as assessoras do secretário Salles, Ana Carla Abreu da Silva e Evenice Carvalho.

A equipe técnica esteve inicialmente no gabinete do Executivo reunida com Ronald Penteado (Turismo), Julinho Lopes, Antônio Penteado, secretário municipal de Meio Ambiente, e com a superintendente do Arquivo Público, Mônica Cristina Brunini Frandi Ferreira. Na sequência, o grupo se deslocou para o Floridiana Tênis Clube.

“Foi uma visita técnica, o local definido por Rio Claro para a realização do evento é adequado”, disse Ana Carla da Silva. “Esta será a segunda edição do Município Verde Azul. Agradecemos o apoio do secretário Ricardo Salles pode definir a nossa cidade como sede”, ressaltou Ronald Penteado. “A nova administração municipal está trabalhando forte nas questões que envolvem o meio ambiente, este evento vai projetar a cidade”, pontuou Julinho Lopes.

Lançado em 2007, pelo governo paulista, o programa Município Verde Azul tem o inovador propósito de medir e apoiar a eficiência da gestão ambiental com a descentralização e valorização da agenda ambiental nos municípios.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo