Notícias

Rotatória na Avenida dos Estudantes é apontada como solução para o trânsito

 

“Os problemas de trânsito enfrentados por usuários da Avenidados Estudantes podem ser superados com a construção de uma rotatória no cruzamento da via com a Rua 4 da Vila Industrial e Rua 9 do bairro Mãe Preta. A medida implicaria na redução da velocidade hoje utilizada no trecho e no ordenamento do fluxo na rota Rio Claro-Araras, garantindo a segurança dos pedestres no trânsito entre os bairros Mãe Preta e Vila Industrial. A proposta é apresentada às secretarias municipais de Obras e Mobilidade Urbana pelo vereador Julinho Lopes. “Trata-se de obra a ser feita em caráter imediato porque um conjunto habitacional está previsto para ser iniciado no local, o que vai aumentar o número de veículos e pessoas em situação que já é problemática”, avalia o vereador. Em sua justificativa para a solicitação da rotatória, Julinho Lopes assinala as constantes reclamações de moradores pelo fato da Avenida dos Estudantes haver se tornado uma via de trânsito rápido e pesado.Conforme ele destaca, o trecho é uma das entradas da cidade em meio a dois conjuntos residenciais nobres e dois bairros de grande concentração, o Mãe Preta e a Vila Industrial. A rota é utilizada por caminhões no acesso à rodovia Wilson Finardi, que liga Rio Claro a Araras.. “A rotatória precisa ficar no ponto em que os moradores da Vila Industrial cruzam para chegar ao Mãe Preta e ter acesso ao comércio,serviços, escola, creche e posto de saúde”, calcula. Segundo observa, para ir e sair da escola, crianças ficam sob permanente risco ao atravessarem a pista que “nem sinalização adequada para isso tem”. Outro problema de segurança verificado é que os motoristas que deixam o bairro Mãe Preta em direção a Araras acessam a Avenida dos Estudantes pela contramão para evitar o retorno, mais à distância e na direção oposta. O trânsito no ponto sugerido para a construção da rotatória tem fluxo por duas vias de mão dupla para entrada e saída da cidade. Elas são cruzadas por duas outras vias no sentido bairro-bairro. Uma delas é bifurcada.“No total são seis vias com abertura de mais uma e é óbvio que para ordenar isso só mesmo com uma rotatória”, ressalta Julinho Lopes.”

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo