Notícias

Novo contrato dá início à construção de mais 216 moradias em Rio Claro

A Prefeitura de Rio Claro e a Caixa Econômica Federal assinaram nesta sexta-feira, 4, no Paço Municipal, contrato para a construção de 216 unidades habitacionais do Conjunto Residencial Bom Retiro – Fase II, vinculado ao programa Minha Casa Minha Vida, do governo federal, com investimentos de R$ 12 milhões. O município entra com a contrapartida de R$ 2 milhões, que foi absorvida na aquisição do terreno, na elaboração de projetos e será utilizada também na execução da infraestrutura de acesso ao empreendimento. As unidades são destinadas às famílias com renda de zero a R$ 1.600,00 e prestações que não comprometem mais que 10% da renda familiar, situando-se no patamar máximo de R$ 160,00.  Os empreendimentos, como todos os demais lançados na administração atual, estão localizados em áreas já dotadas de infraestrutura urbana básica. Com este novo contrato, Rio Claro assegura a condição de ser o primeiro município da regional da Caixa a assinar contratos referentes ao programa Minha Casa, Minha Vida II, fato que já tinha ocorrido também em relação à primeira etapa do programa habitacional do governo federal. A informação é do gerente regional da instituição, Celso Endres, que lembrou a importância do trabalho das equipes técnicas da prefeitura na elaboração dos projetos, assegurando a sucessão de contratos habitacionais assinados nos últimos três anos e meio com a municipalidade. Durante a solenidade de assinatura o prefeito Du Altimari disse que os investimentos em habitação no município, que privilegiam a população de baixa renda, já totalizam R$ 90 milhões e se referem a 1800 moradias. “Se, no entanto, somarmos com os empreendimentos que estão sendo viabilizados pela iniciativa privada e associados ao programa Minha Casa, Minha Vida vamos chegar à marca de 5000 unidades, o que projeta atendimento a 20.000 pessoas, aproximadamente, contingente populacional igual ao do município de Santa Gertrudes”, comparou. Presente à mesa de autoridades, o vereador Julinho Lopes destacou que o governo municipal tem se diferenciado nas abordagens que convergem para o desenvolvimento e a qualidade de vida dos munícipes.  “Este processo teve início com a atitude dessa administração de limpar o nome da cidade, negociando e quitando dívidas herdadas, o que permitiu à prefeitura credenciar-se junto às principais esferas de governo para captar recursos, notadamente para a habitação”, afirmou. Participaram do ato de assinatura de contratos nesta sexta-feira a secretária municipal de Habitação, Maria José Pimentel Stivalli, o diretor de projetos da Secretaria Municipal de Governo, Cláudio Francisco da Silva, bem como o empresário Roberto Pereira de Souza, da RPS Engenharia – responsável pelas obras do novo condomínio – e a gerente local da Caixa, Rosana Cattai de Andrade.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo