Notícias

Júlio Lopes verifica problemas e cobra fiscalização nos serviços em andamento no Jardim Bonsucesso

1234849_579089262184872_1290363099_n 1513709_579088968851568_878207323_n 1545552_579089532184845_231020433_n 1625649_579089528851512_634096806_n 1662209_579089572184841_1241531903_n 1779791_579089112184887_1822785593_n 1780712_579089245518207_177801466_n 1780856_579088998851565_1342354484_n 1796661_579089765518155_966065560_n 1800306_579089355518196_1497633144_n 1800405_579089002184898_1130432801_n 1897027_579089838851481_58514560_n 1901265_579089772184821_1297796016_n

 

Júlio Lopes verifica problemas e cobra fiscalização nos serviços em andamento no Jardim Bonsucesso

O que era para ser motivo de alegria para inúmeras famílias vai aos poucos se transformando em preocupação. Desta forma, o vice-presidente da Câmara Municipal, Júlio Lopes avalia a obra à implantação de calçadas e rampas de acessibilidade no Jardim Bonsucesso.

Ao vistoriar os serviços, o parlamentar constatou diversos problemas. A partir daí, através de requerimento já aprovado pelo Legislativo, o parlamentar cobra fiscalização da prefeitura através da Secretaria Municipal de Obras que fez a contratação da empresa responsável pelos trabalhos em andamento.

Segundo Júlio Lopes, as rampas de acessibilidades estão em desacordo com o que determina a legislação vigente. “O serviço apresentado pela empresa para atender às pessoas portadoras de deficiência é de péssima qualidade”, afirma.

Na vistoria, Júlio Lopes também apurou que o enquadramento das caixas das bocas de lobo está irregular e alinhamento do passeio público encontra-se diverso aos padrões estabelecidos pelo município.

Outro problema abordado por Júlio Lopes é que os resíduos de construção, conhecidos como bota-fora, retirados das áreas onde estão sendo implantadas calçadas são jogados em terrenos baldios e Áreas de Proteção Permanente (APPs). “Como que estes resíduos serão retirados dos terrenos e das APPs se as calçadas já foram feitas?”, questiona.

Para Júlio Lopes, soma-se aos problemas citados acima, o plantio de árvore em locais irregulares, ou seja, próximo aos postes que dão sustentação à rede elétrica. “Em um futuro bem próximo, o bairro vai enfrentar problemas devido aos galhos que certamente atingirão a rede elétrica”, alerta.

Atento aos problemas decorrentes de obras no Jardim Bonsucesso, o vereador afirma que em 2013 foram verificados problemas nas bocas-de-lobo. “Solicitamos o reparo e até hoje estamos à espera”, frisa.

Após a verificação dos problemas acima citados o Secretário de Obras Rodrigo Mussio entrou em contato com a empresa responsável para que sejam tomadas as devidas providências.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo