Notícias

DEFESA DO RIO CORUMBATAÍ

IMG_3995 IMG_4001

DEFESA DO RIO CORUMBATAÍ

Aplicação de recursos de multas na região e homenagem marcam reunião em Ipeúna

Como e onde buscar recursos para que o homem do campo possa colocar em prática ações necessárias à preservação do meio ambiente? Este foi o principal assunto debatido entre os assuntos de Piracicaba, Ipeúna, Corumbataí, Rio Claro, Itirapina e Analândia que participaram da reunião do Fórum Permanente em Defesa do Rio Corumbataí. A reunião foi realizada na manhã da última quarta-feira, dia 28, nas dependências da Câmara Municipal de Ipeúna.

Parlamentares observaram, na oportunidade, que hoje em dia o produtor rural trabalha com margem estreita de lucro e em alguns casos acumulam prejuízos o que inviabiliza gastos pessoais em medidas voltadas à preservação do Meio Ambiente.

O vereador João Altarúgio, de Corumbataí, observou que muitos produtores rurais estão deixando o campo. A seu ver, os motivos principais são perdas financeiras, seja por condições climáticas ou por imposições do mercado, e a violência que a cada dia aumenta na zona rural.

Para Diego Heron Pinheiro, vereador de Ipeúna, é preciso criar mecanismos que possam ressarcir os investimentos feitos pelo homem do campo em prol da conservação do meio ambiente. “É no campo que encontram-se os rios que abastecem as cidades”, comentou. “Se não houver investimentos o êxodo rural vai intensificar-se”, alertou.

Entre os palestrantes estava Marco Rogério da Silva que abordou o tema “Pagamento por serviços ambientais”. Ao repercutir a fala do palestrante o vice-presidente da Câmara de Rio Claro, Júlio Lopes, observou que uma forma eficaz de garantir ao homem do campo remuneração pela conservação do meio ambiente, sem onerar o governo, fato este que suscitaria debate extenso no campo político, é criar mecanismo para que valores arrecadados de multas por danos ambientais possam ser investidos na zona rural da região.

“Infelizmente, o desrespeito ao meio ambiente ainda ocorre em larga escala. Recentemente, organizei expedição no Rio Corumbataí onde irregularidades foram detectadas”, explica o vereador. “Com fiscalização eficaz, o recurso proveniente de autuações poderia ser revertido em benefício dos produtores rurais que agem na preservação do meio ambiente”, acrescentou o parlamentar. A proposta recebeu apoio dos demais vereadores da região presentes.

A atividade ainda contou com as seguintes palestras: “Cachoeiras que formam o rio Passa Cinco”, com Diego Heron Pinheiro e “Apresentação da infraestrutura do município”, através do vice-prefeito José Antônio de Campos.

Homenagem

Considerado um dos melhores navegadores fluviais do Brasil, por percorrer a rota Piracicaba-Buenos Aires, rios Araguaia, Tocantins e Pará entre outros trabalhos desenvolvidos, o saudoso José Luiz Guidotti foi homenageado na última quarta-feira, dia 28, pelos integrantes do Fórum Regional Permanente em Defesa do Rio Piracicaba . Todas as autoridades presentes receberam cópias do livro “Rio Corumbataí – Relatos de uma navegação”.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo