Notícias

Praça da Santa Cruz

Promotor Gilberto Porto reuniu representantes do bairro Santa Cruz para discutir problemas causados por praça pública

A Praça da Santa Cruz, localizada na Avenida 10 entre as Ruas 8 e 9, anexa à Paróquia de Santa Cruz, caminha a passos largos para ser fechada. A colocação de cerca é a alternativa encontrada pela Força Integrada Azul (FIA) para eliminar os problemas que causam transtornos às pessoas que residem, trabalham ou circulam pela região.

Na tarde de quinta (18), reunião no Fórum, na sala do promotor público Gilberto Porto, teve a presença do tenente Araújo, da Polícia Militar, padre Jacob Tomazela, secretário de mobilidade Urbana, José Maria Chiossi, vereador Júlio Lopes e os representantes do Grêmio Recreativo da Paulista, Luiz Fernando Bicudo e José Renato Gonçalves.

Na reunião, ficou encaminhado que a Paróquia Santa Cruz vai realizar campanha para garantir recursos para cercar a praça. Chiossi adiantou que, a partir da próxima semana, o estacionamento em toda área de entorno da igreja, leia-se do lado direito das ruas, será proibido.

A Promotoria foi informada sobre o barulho intenso no local, provocado por motos com escapamentos abertos e caminhonetes com equipamentos de som potentes. Como a praça não tem banheiros, pessoas fazem necessidades ao ar livre. “O local precisa passar por revitalização”, informou o promotor Porto.

Outro ponto que chama a atenção da Promotoria é a grande concentração de adolescentes e jovens. “A FIA está atenta às questões relacionados ao dia a dia da cidade”, diz Porto.

Clique para comentar

Deixe uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Topo